Coprodução

Coprodução: Como fazer a transição de carreira?

Coprodução de infoprofutos, afinal, como fazer a transição de carreira?

Talvez você tenha entrado no marketing digital recentemente, vem estudando sobre afiliação, sobre infoprodutos, ou até mesmo atua como afiliado ou infoprodutor.

E busca informações para uma possível transição de carreira para a coprodução. Sabemos que nem sempre a transição de carreira é uma tarefa fácil.

Envolve riscos, insegurança, até mesmo o medo de não dar certo. Mas fique tranquilo, separamos informações importantes para você que deseja fazer a transição para a coprodução e não sabe por onde começar.

É sobre isso que vamos falar no post de hoje. Confira!

Transição para a carreira de coprodução

A coprodução de infoprodutos é uma excelente carreira, mas talvez não seja a carreira que você vai ter o maior retorno em um curto espaço de tempo, ou que seja uma carreira fácil.

O mercado da coprodução segue crescendo muito forte, nós temos cada vez mais infoprodutores sendo treinados, sendo atraídos e motivados a criar seus treinamentos online.

Só que o mercado não tem o mesmo volume de coprodutores para pode trabalhar junto com esses infoprodutores. É um mercado sólido, em grande crescimento, com excelentes perspectivas para longo e curto prazo, e que também possibilita você ser muito bem remunerado.

Mas é claro que isso acontece conforme você vai avançando e se tornando cada vez mais profissional.

O formato que a minha empresa trabalha é 100% variável, ou seja, nós não temos nenhum tipo de fixo com o infoprodutor, fixo mensal ou periódico.

Nós trabalhamos 100% no resultado e no variável. Eu entendo que isso em um primeiro momento possa ser intimidador, mas eu te dou certeza que esse é o formato com que você consegue escalar a sua empresa em termos de faturamento, sem a necessidade de você precisar aumentar a sua quantidade de projetos e clientes.

Como atuar como coprodutor no formato 100% variável?

Antes de atuar como produtor no formato 100% variável, o que você pode fazer é prestar serviços. Vamos supor que você é um copywriter, você faz cartas de vendas, ou funis de vendas, então você pode vender esses serviços, você pode ter contratos mensais com infoprodutores.

E esses contratos mensais vão dar o lastro que você precisa para você manter os seus custos mensais e os seus custos pessoais.

E em um segundo momento você pode partir talvez para um fixo mais variável, ou até mesmo um variável direto.

Então existem sim formas de você entrar no mercado, para atuar somente no fixo, fixo+variável, ou variável.

O formato que eu acredito que consegue te dar uma escala forte é no formato 100% variável, mas isso vai de cada caso, e o que eu passei para você é uma sugestão para que você possa iniciar a sua carreira como coprodutor, fazer uma transição mais leve e que não seja tão intimidador.

Mestres da coprodução

Quer saber mais sobre o mercado de coprodução? Convido você a conhecer o nosso projeto, clique no link: https://mestresdacoproducao.com.br/inscricao-encerrada/  e cadastre-se gratuitamente para conhecer mais o projeto!

Concluímos que…

Estar no mercado de infoprodutos exige muita dedicação e empenho. Saiba que assim como qualquer outra profissão você precisará de profissionalismo e paciência, a cada erro, a cada capacitação, e também a cada acerto.

É sempre bom lembrar que é preciso dar um passo de cada vez, existem aqueles que vendem a promessa de dinheiro rápido e fácil, eu sinto lhe dizer, esse não é bem o caminho.

E lembrem-se, os amadores NUNCA sobrevivem.

Gostou do nosso conteúdo? Tem alguma dúvida ou sugestão? Deixe nos comentários!

Postagens relacionadas
Coprodução

Distribuição de investimentos: coprodutor e infoprodutor

Coprodução

Formate seu serviço

Coprodução

O caminho para ser um coprodutor de sucesso

Coprodução

Os riscos de ser um profissional commodity

Inscreva em nossa Newsletter e fique sempre informado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *